Google+ Followers

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Radiestesia: a ciência que cuida da energia Vital


Se você tem acordado frequentemente sem disposição, com o corpo sempre cansado, e já fez exames físicos e emocionais mas não encontrou respostas para seus sintomas... procure uma avaliação Radiestésica.



O nosso corpo devido a tensões, preocupações, desgostos, insegurança, instabilidade emocional entre outras condições, pode criar bloqueios localizados no campo bioenergético, que dificultam a distribuição natural da energia vital pelo corpo por meio de seus canais de meridianos e os centros de Força Vital, que ao passar do tempo, acabam se transferindo para o campo físico afetando o sistema nervoso e debilitando nossa Energia Vital. Esses bloqueios energéticos são detectáveis pela Radiestesia.
A Radiestesia funciona por ressonância bioelétrica – assim, colocando o pêndulo em proximidade a um corpo vivo formado por um conjunto de células (que no homem são perto de 40 milhões) que funcionam como minúsculas baterias que emitem uma fraca corrente bioelétrica (descoberta pelo cientista G. Lakhovsky), em conjunto cria-se um campo bioelétrico de vibração característica.
A prática da Radiestesia permite prevenir e detectar possíveis doenças causadas por influências energéticas negativas, ajudando a pessoa a tomar as devidas providências para corrigir as situações anormais presentes em sua casa, localização da cama onde dorme, verificar a influência de torres de radiofrequência próximos à residência, em seu ambiente de trabalho, corrigindo os bloqueios energéticos devido a posição do ar condicionado, possíveis interferências energéticas advindas de solos subterrâneos ou sobrecargas de metais na construção do local onde se convive.  Para harmonizar ambiente e o ser humano o Radiestesista utiliza diversas técnicas e terapias naturais como: florais, cromoterapia, cristais, imãs, orgonites entre outros, com o objetivo de melhorar a energia do ambiente e do indivíduo proporcionando assim uma melhor qualidade de vida.
O uso do pêndulo e do aurameter é fundamental para os radiestesistas que aplicam sua ciência para determinar o comportamento energético do homem em relação ao meio em que vive, bem como suas afinidades, predisposições, possibilidades e os níveis de energia em que ele se encontra em determinado momento. Isso porque, ao ser realizada uma pesquisa radiestésica em um indivíduo, o radiestesista verificará todas as energias que circulam no seu corpo, bem como os bloqueios energéticos e orgânicos, avalia a compatibilidade dos medicamentos que as pessoas estão usando e verifica também se há interações (benéficas ou maléficas) entre eles. Diante do resultado obtido, o radiestesista orienta ao cliente que procure o tratamento adequado.
Recomenda-se realizar uma avaliação radiestésica a cada 3 meses, para isso você pode procurar um terapeuta Holístico especializado nesta ciência que além de tratar é preventiva.
 Fonte: Prática em Radiestesia /Campadello, Pier, 1937

Lívia Medeiros

Terapeuta Holística/ Radiestesista

Nenhum comentário:

Postar um comentário